Sociedade Polis Litoral Norte lança empreitadas no concelho de Caminha

A Sociedade Polis Litoral Norte S.A acaba de lançar três empreitadas no concelho de Caminha, co-financiadas pelo Programa Operacional de Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos (POSEUR) e pelo Programa Operacional Regional do Norte - Norte 2020.

Em causa está a empreitada de “Proteção, Reabilitação e reforço do cordão dunar entre Camarido e Moledo”, que visa o reforço do cordão dunar numa extensão de cerca de 700 metros, com areias provenientes de dragagens de manutenção a realizar no canal de navegação existente no troço final da zona estuarina do Rio Minho. Esta empreitada é co-financiada pelo POSEUR no valor de 521 mil euros com uma taxa de co-financiamento de 85%.

Outra das empreitadas diz respeito às “Infraestruturas para valorização e visitação de Áreas Classificadas no Concelho de Caminha”, co-financiada pelo Programa Operacional Regional do Norte - Norte 2020 em 85% e com um valor global de investimento de 282 mil euros. Implica a construção de dois troços da futura Ecovia do Litoral Norte, entre a Capela de Santo Isidoro e a ciclovia de Vila Praia de Âncora, e da ponte pedonal sobre o Rio Âncora, que permitirão, considerando os troços adjacentes já construídos e a construir no curto prazo, a ligação ininterrupta, em canal pedonal e ciclável, de Moledo ao forte do Cão numa extensão total de aproximadamente 7.100 m. Compreende ainda iluminação pública, mobiliário urbano, sinalização e arranjos na envolvente.

Em Caminha, foi também lançada a empreitada relativa às “Infraestruturas verdes no Rio Âncora”, candidatada ao Programa Operacional Regional do Norte - Norte 2020 com um valor global de 349 mil euros, co-financiados em 85%, e que incide sobre uma área de cerca de 14ha em ambas as margens do Rio Âncora, onde será levada a cabo a construção de percursos de visitação e contemplação, pedonais e cicláveis, que farão parte da Ecovia do Litoral Norte numa extensão de aproximadamente 790 m, com vista à diminuição do risco, preservação, requalificação e divulgação da zona estuarina do Rio Âncora. Inclui ainda a eliminação das grandes manchas de espécies exóticas invasoras, a reabilitação da galeria ripícola, a valorização do habitat de espécies faunísticas autóctones através da criação de abrigos para a fauna, com a necessária sinalização regulamentar e informativa dos valores em presença.

Polis Litoral Norte, Sociedade para a Requalificação e valorização do Litoral Norte, S.A. (em liquidação)

 

Edifício de Apoio à Doca de Recreio

4900-405 Viana do Castelo

Telf. 258 806 440

Fax. 258 806 449

geral@polislitoralnorte.pt

Acionistas:
Financiamento: